PlayMaker Scouts Brasil

NBA Draft 2019: Análise do draft.

NBA  Draft 2019: Veja agora a nossa análise do draft sobre futuras estrelas da maior liga de basquete do mundo.

Na noite de ontem foi realizado o NBA Draft, caso você não saiba o que é o Draft da NBA, clique aqui.

 

 

 

#1 – Pelicans: Zion Williamson

 

Posição: Ala / Ala-Pivô

22.6 PTS (68% FG) | 8.9 REB | 2.1 AST

Universidade: DUKE
Peso: 129 kg
Altura: 2,01 m
Envergadura: 2,08 m

Projeção na NBA: All-Star

Jogadores similares a ele na NBA: Paul Millsap, Larry Johnson e Kevin Love.

Pontos fortes: Capacidade Física: chega a ser assustador o porte do camisa 1, com quase 130 kg é muito mais forte que a média dos adversários da posição, o que facilita a vida dele tanto quanto para defender o garrafão e tanto quanto para atacar. Além da força física, Zion ainda tem um bom aproveitamento da linha de três, com quase 34% de aproveitamento nos chutes do perímetro.

Pontos fracos: Zion não possui uma envergadura e altura ideal para a posição de ofício dele, problema que é citado em todo tipo de combine de Williamson, mas compensa isso com uma impulsão absurda de um metro e seis centímetros.

Ja Morant, (ESPN).

#2 – Grizzlies: Ja Morant

Posição: Armador

24.5 PTS (49.9% FG) | 5.7 REB | 10 AST

Universidade: Murray State
Peso: 79 kg
Altura: 1,90 m
Envergadura: 2,01 m

Projeção na NBA: All Star

Jogadores similares a ele na NBA: Derrick Rose, Russel Westbrook e John Wall.

Pontos fortes: Arsenal ofensivo completo, agressivo que nem o Russell Westbrook, Arma bem que nem o John Wall, Chris Paul, rápido que nem De’Aron Fox, com certeza é o melhor desse draft quando se fala de qualidade técnica pura.
seu jogo tende a se adaptar melhor melhor na NBA do que na NCAA, o espaçamento muito maior do jogo profissional vai ajudá-lo a infiltrar com mais facilidade.

Pontos Fracos: Precisa melhorar, as decisõesde jogo e cuidar melhor da bola, sua alta média de TO deixa isso nítido, por diversas vezes tenta passes e dribles complicados, onde a decisão era simples e básica. Defensor “5/10” ,não se esforça tanto desse lado da quadra, falta atenção e porte físicos para ser um defensor de primeiro pelotão.

 

RJ Barrett, (Photo by Patrick Smith/Getty Images)

#3 Knicks: R.J Barrett

 

Posição: Ala-armador / Ala

22.6 PTS (68% FG) | 7.6 REB | 4.3 AST

Universidade: DUKE
Peso: 91 kg
Altura: 2,00 m
Envergadura: 2,08 m

Projeção na NBA: All Star.

Jogadores similares a ele na NBA: Demar DeRozan, Zach LaVine e Eddie Jones.

Pontos fortes: Forte, com ombros largos e capaz de receber o contato. Joga em um estilo de jogo mais físico, buscando o contato na maioria das vezes e com agressividade. Capaz de usar euro steps, hop steps, hop spins e uma gama de movimentos de mudança de direção pra se livrar do contestamento do adversário.

Pontos fracos: Defensor muito longe de seu potencial, contribui pouco com roubos e tocos, além de ser displicente cometendo faltas quando o adversário o envolve bem no off-ball. Arremessador inconsistente, muito dependente da mão esquerda, o que torna o jogo dele muito previsível, vendo que o arremesso de quadra dele é bastante limitado.

 

#4 Hawks: De’Andre Hunter

 

Posição: Ala / Ala-Pivô

15.5 PTS (52% FG) | 5.1 REB | 2.0 AST

Universidade: Virginia
Peso: 102 kg
Altura: 2,00 m

Envergadura: 2,18 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Jimmy Butler e Robert Covington.

Pontos fortes: Elite catch-and-shooter, adora situação de spot-up, (quando você recebe parado, em determinado local da quadra) caberia em qualquer franquia da NBA, pois espaça muito bem a quadra e tenho absoluta certeza que nao vai ter problemas de fit com o John Collins.

Pontos fracos: Impecável defensor, exceto quando defende jogadores velozes demais daí é facilmente exposto e frágil, ou seja, numa situação de mismatch dificilmente conseguirá guardar seu adversário.

 


#5 Cavaliers: Darius Garland

 

Posição: Armador

16.2 PTS (53.7% FG) | 3.8 REB | 2.6 AST

Universidade: Vanderbilt
Peso: 79 kg
Altura: 1,87 m
Envergadura: 1,95 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Collin Sexton, Jrue Holiday e Dennis Schröder.

Pontos fortes: Sabe catalisar um jogo, sabe a hora exata de acelerar e desacelerarar o jogo, com certeza um dos armadores com maior Basketball IQ dessa classe. Mecanismo de chute de Garland tbm é muito eficaz, oq faz dele um excelente chutador, tanto de longa quanto de média e curta distância.

Pontos fracos: Bom, a temporada dele na NCAA foi muito curta, Garland teve uma lese só atuou em 5 jogos essa temporada pela universidade de Vanderbilt, essa lesão fez com que o armador perdesse um ano inteiro quase, que é fundamental na fundação de um atleta profissional, Garland pode precisar de mais tempo que o normal para desenvolver e adaptar seu jogo na NBA.

Jarret Culver, (AP Photo/Matt York).

#6 Timberwolves: Jarrett Culver

 

Posição: Ala-armador

18.5 PTS (46.1% FG) | 6.4 REB | 3.7 AST

Universidade: Texas TECH
Peso: 88 kg
Altura: 1,98 m
Envergadura: 2,08 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Joe Johnson, Kerry Kittles e Khris Middleton.

Pontos fortes: Decisivo, não se omite nos momentos cruciais de uma partida, teve game-winner e vários pontos no último quarto essa temporada na NCAA, pela universidade de Texas TECH. Tem potencial pra ser um dos melhores defensores da liga, ótimo reboteiro para posição, e o que mais surpreende é a facilidade para armar, muito inteligente e com uma visão de jogo incomum pra posição de origem dele.

Pontos fracos: Como quase todo jogador que é draftado, precisa adquirir massa muscular, para desenvolver seu potencial por completo. Vale dizer que ele cursou dois anos na faculdade, e de seu primeiro ano para o segundo, o corpo já mudou de forma notável, o que mostra facilidade do metabolismo dele nesse quesito.

#7 Bulls: Coby White

Posição: Armador / Ala-Armador

16.1 PTS (42.3% FG) | 3.5 REB | 4.1 AST

Universidade: UNC
Peso: 86 kg
Altura: 1,95 m
Envergadura: 1,98 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Steve Nash e Shai Gilgeous-Alexander.

Pontos fortes: White é a perfeita combinação de velocidade e porte físico, tem um teto absurdo. Qualquer contra-ataque com ele é perigoso, pois é muito rápido e consegue finalizar a jogada muito antes dos pivôs chegarem e se posicionarem. Drible muito bem avaliado, movimentos como stepbacks ele os domina com maestria.

Pontos fracos: A estatura de Coby não é a melhor possível, braços curtos e ombros pouco avantajados tornam a finalização dele perto da cesta facilmente de serem marcadas.

#8 Pelicans: Jaxson Hayes

 

Posição: Pivô

10.0 PTS (72.8% FG) | 5.0 REB | 0.3 AST

Universidade: Texas
Peso: 99 kg
Altura: 2,13 m
Envergadura: 2,23 m

Projeção na NBA: Titular / Sexto-Homem

Jogadores similares a ele na NBA: Jarrett Allen e John Henson.

Pontos fortes: Pivô atlético e com uma dass envergaduras mais invejáveis dessa classe do draft. Off-ball muito bom pra um pivô da estatura dele, ataca bastante a cesta e tem muito conforto em situações que está perto do aro.

Pontos fracos: “Faltam armas no arsenal” de Hayes, o que eu quero dizer é que ele é muito limitado ainda, simplesmente ele faz só o básico, o faltam fundamentos, tanto na defesa e tanto quanto no ataque.

Rui Hachimura, (Photo by Gene Sweeney Jr./Getty Images)

#9 Wizards: Rui Rachimura

Posição: Ala / Ala-pivô

19.7 PTS (59.1% FG) | 6.5 REB | 1.0 AST

Universidade: Gonzaga
Peso: 104 kg
Altura: 2,03 m
Envergadura: 2,18 m

Projeção na NBA: Titular / Sexto-Homem.

Jogadores similares a ele na NBA: Jabari Parker, Gordon Hayward.

Pontos fortes: Por conta de sua agilidade, alcance vertical e comprimento, pode se tornar um defensor versátil no futuro, como demonstra em alguns flashes específicos durante a temporada. Capaz de pegar o rebote defensivo e carregar a bola em transição, com controle de bola que, aos poucos, vem melhorando.

Pontos fracos: Um dos piores defensores da classe dentre os jogadores melhores projetados. Contudo possui ferramentas, mas poucos fundamentos, não dobra os joelhos para se manter em posição defensiva, lê com atrasos a rotação defensiva, pego fora de posição sem a bola, foco excessivo na bola e acaba perdendo seu homem.

Cam Reddish, (Slam).

#10 Hawks: Cam Reddish

Posição: Ala / Ala-armador

13.5 PTS (35.5% FG) | 3.7 REB | 1.9 AST

Universidade: DUKE
Peso: 94 kg
Altura: 2,03 m
Envergadura: 2,16 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Andrew Wiggins, Kevin Knox e Jayson Tatum.

Pontos fortes: Bom shooter, tanto de média quanto de longa distância, entretanto principalmente em situações como as de catch-and-shoot, versatilidade defensiva, excelente na antecipação de linhas de passe e nas trocas de marcação.

Pontos fracos: Contudo foi ofuscado pela dupla R.J. Barrett e Zion Williamson e fez uma temporada aquém das expectativas. Como todo rookie precisa adicionar muita massa muscular pra atingir o patamar que ele tem de potencial.

 


#11 Suns: Cameron Johnson

Posição: Ala

16.9 PTS (45.7% FG) | 5.8 REB | 2.4 AST

Universidade: North Carolina
Peso: 95 kg
Altura: 2,06 m
Envergadura: 2,16 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Andre Iguodala e Jayson Tatum.

Pontos fortes: Destaca-se pela mobilidade em quadra, acompanhando contra-ataques e sempre em movimento sem a bola para dar opção de passe aos companheiros. Tem bons instintos e noção de posicionamento no espaçamento do jogo. Um dos melhores arremessadores do draft, certamente Johnson tem uma mecânica rápida e compacta com alto ponto de lançamento. Seu aproveitamento nos lances livres e chutes do perímetro são de um grande chutador na NBA.

Pontos fracos: Johnson, definitivamente, não é um prospecto de tanto valor; aos 23 anos de idade, com ferramentas físico e atléticas abaixo da média.


#12 Hornets: P.J Washington

Posição: Ala / Ala-Pivô

15.2 PTS (52.2% FG) | 7.5 REB | 1.8 AST

Universidade: Kentucky
Peso: 104 kg
Altura: 2,01 m
Envergadura: 2,18 m

Projeção na NBA: Titular

Jogadores similares a ele na NBA: Paul Millsap e Marcus Morris.

Pontos fortes: Agressivo no ataque à cesta, consegue cavar muitas faltas, não foge do contato físico no garrafão, contudo consegue finalizar bem com ambas as mãos. Bom jogo de costas para a cesta, trabalho de pés em franca evolução, tem um eficiente gancho de mão direita, mãos grandes para segurar bem a bola.

Pontos fracos: Sua mecânica de arremesso está melhor, mas ainda necessita de ajustes, já que a bola não sai tão rapidamente de suas mãos. Deixa a desejar como defensor sem a bola, não executa bem o box out.

#13 Heat: Tyler Herro

Posição: Ala-armador

14.0 PTS (46.6% FG) | 4.5 REB | 2.5 AST

Universidade: Kentucky
Peso: 88 kg
Altura: 1,96 m
Envergadura: 1,91 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Nik Stauskas e J.J Reddick.

Pontos fortes: Pode chutar em movimento, certamente tem a capacidade de criar o próprio arremesso a partir do drible e saindo de bloqueios. Não para de movimentar-se sem a posse da bola, exibindo instintos apurados em termos de posicionamento em quadra para espaçar a quadra.

Pontos fracos: Por mais que seja um grande arremessador contudo ele ainda tem problemas em termos de regularidade e seus braços curtos fazem com que seu chute seja fácil de ser contestado por atletas profissionais.

#14 Celtics: Romeo Langford

Posição: Ala / Ala-Pivô

16.5 PTS (44.8% FG) | 5.4 REB | 2.3 AST

Universidade: Indiana
Peso: 98 kg
Altura: 1,98 m
Envergadura: 2.11 m

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Evan Turner e Kantavious Caldwell-Pope.

Pontos fortes: Langford possui perfil físico ideal para atuar nos perímetros da NBA: combina boa estatura e excelente envergadura. Entretanto é um bom reboteiro defensivo, inclusive enfrentando jogadores de garrafão, mostra velocidade para puxar contra-ataques e iniciar o jogo de transição assim que pega o rebote.

Pontos fracos: Não se trata de um atleta explosivo ou rápido atravessando a quadra, contudo mas sim de alguém que movimenta-se com fluidez e eficácia, com um subvalorizado footwork.

#15 Pistons: Sekou Doumbouya

Posição: Ala-Pivô

6.3 PTS (31.2% FG) | 2.9 REB | 0.8 AST

Universidade: Guiné
Peso: 105 kg
Altura: 2,06 m
Envergadura: 2.11 m

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Jerami Grant e Al-Farouq Aminu.

Pontos fortes: Ágil lateralmente e muito atento na defesa, entretanto exibe potencial de ser um defensor versátil, capaz de trocar marcação, defender de armadores até pivôs com a mesma eficácia.

Pontos fracos: Ainda não está pronto, principalmente na parte ofensiva. Tem dificuldades em executar jogadas após o drible e seu arremesso é inconsistente.

#16 Magic: Chuma Okeke

Posição: Ala-Pivô

12.0 PTS (31.2% FG) | 6.8 REB | 1.9 AST

Universidade: Auburn
Peso: 104 kg
Altura: 2,03 m
Envergadura: 2,13 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Robert Covington e Jerami Grant.

Pontos fortes: Ótimo defensor, contudo destaca-se nas trocas de marcação, na defesa de ajuda, protege bem o aro, excelente na antecipação de linhas de passe, muito certeiro para distribuir tocos, combina bem seus atributos físico e atléticos com boa leitura de jogo e sua inteligência. Além de tudo no ataque é um ótimo stretch-four, muito bem avaliado quando chuta parado e equilibrado.

Pontos fracos: Iremos falar a verdade, certamente Okeke é um pivô de muita pouca intensidade e explosão, o que o torna muito soft. Não apresenta um refinado jogo de costas para a cesta também.

#17 Pelicans: Nickeil Alexander-Walker

Posição: Ala-armador

16.2 PTS (47.4% FG) | 4.1 REB | 4.0 AST

Universidade: Virginia TECH
Peso: 92 kg
Altura: 1,96 m
Envergadura: 2,07 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Gary Harris, Malcom Brogdon.

Pontos fortes: Potencial como criador secundário de jogadas por conta de uma privilegiada visão de jogo e QI de basquete, todavia possui arsenal de passes para o lado contrário e enxerga bons ângulos para acionar os companheiros. Parece saber os pontos que precisa melhorar e, por conta disso, deu um salto significativo de um ano para o outro no College.

Pontos fracos: Muito franzino e pouco explosivo, certamente ainda não tem um físico ideal preparado para lidar com os oponentes mais fortes do que ele na NBA. Sua agilidade lateral não é seu ponto forte, enfrenta desvantagem contra atletas mais explosivos e ágeis.

#18 Pacers: Goga Bitadze

Posição: Pivô

12.1 PTS (47.4% FG) | 6.4 REB | 1.2 AST

Universidade: Geórgia
Peso: 114 kg
Altura: 2,12 m
Envergadura: 2,18 m

Projeção na NBA: Sexto-homem / reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Jusuf Nurkic e Ivica Zubac.

Pontos fortes: Ótimo defensor de garrafão, braços longos, consegue produzir muitos tocos por partida. Tem seus limites, mas não sente dificuldade de pontuar no ataque, o que é raro pra um pivô da estrutura dele.

Pontos fracos: Agilidade lateral bastante precária, todavia é outro pivô que pode se dar muito mal quando houver situações de mismatch. Quando precisa defender quadra espaçada, Goga sente muita dificuldade por ser pesado e lento.

#19 Spurs: Luka Samanic

Posição: Ala-pivô / pivô

8.0 PTS (47.4% FG) | 6.4 REB | 1.2 AST

Universidade: Croácia
Peso: 95 kg
Altura: 2,08 m
Envergadura: 2,16 m

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Enes Kanter.

Pontos fortes: Certamente grande até mesmo para um ala-pivô, todavia Luka é um atleta rápido e muito móvel para alguém de sua estatura. Combina atributos físicos com capacidade técnica e mental para conseguir atuar por muitos minutos em quadra espaçada, como atleta de perímetro, nas duas extremidades de jogo.

Pontos fracos: Assim como grande parte dos atletas de sua idade, Samanic precisa ganhar muito em termos de massa corporal para conseguir competir profissionalmente. Contudo comete muitos turnovers, todavia, é muito agressivo em excesso atacando a cesta quando os espaços estão fechados, por isso o número alto de desperdícios de posse de bola.

#20 76ers: Mattise Thybulle

Posição: Ala-armador

9.1 PTS (41.5% FG) | 3.1 REB | 2.1 AST

Universidade: Washington
Peso: 95 kg
Altura: 1,96 m
Envergadura: 2,13 m

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Danny Green e Andre Roberson.

Pontos fortes: Boa movimentação sem a bola, contudo chama a atenção por ser um ótimo jogador que se movimenta subitamente buscando uma melhor posição para finalizar. Tem as ferramentas necessárias para se estabelecer como um defensor de elite na NBA

Pontos fracos: Controle de bola apenas mediano, alta taxa de desperdícios para um jogador que não fica muito com a bola nas mãos. certamente tem uma mecânica de arremesso inconsistente; não mostrou eficiência arremessando tanto da média distância quanto do perímetro.

#21 Grizzlies: Brandon Clarke

Posição: Ala-pivô / pivô

16.9 PTS (68.7% FG) | 8.6 REB | 1.9 AST

Universidade: Gonzaga
Peso: 97 kg
Altura: 2,03 m
Envergadura: 2,13 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Kenyon Martin, Jordan Bell e Larry Nance JR.

Pontos fortes: Certamente seria sua ótima nas tomadas de escolha em quadra, não é egoísta, não força arremessos, procura sempre achar um companheiro melhor colocado quando pressionado pela marcação adversária, é um bom passador no high post e tem visão de quadra e leitura de jogo avançadas para um jogador da posição.

Pontos fracos: Apesar de ter mostrado evolução todavia ainda reluta em arremessar da média distância, contudo prefere concentrar seu jogo ofensivo na área próxima à cesta. Poderá ter problemas na NBA quando encarar pivôs mais altos e mais fortes no low post; Clarke é baixo para a posição, não tem braços longos e, apesar de gostar do jogo físico, precisa de massa muscular para encarar esse tipo de situação.

#22 Celtics: Grant Williams

Posição: Ala-pivô

18.8 PTS (56.4% FG) | 7.5 REB | 3.2 AST

Universidade: Tennessee
Peso: 104 kg
Altura: 2,02 m
Envergadura: 2,08 m

Projeção na NBA: Sexto-homem / reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Boris Diaw e Nenê Hilário.

Pontos fortes: Bom arremessador da média distância; tem um eficiente arremesso após drible. Bom reboteiro, facilidade em executar o box out. Defensor versátil, ótima percepção de jogo para ser eficiente nas trocas de marcação e na defesa de ajuda, sólido defensor no um contra um, capaz de defender até três posições

Pontos fracos: Certamente sua falta de atleticismo poderá limitar sua capacidade como defensor no nível profissional, tendência em ter dificuldades contra rivais mais velozes. pendura-se facilmente em faltas, precisa ser mais disciplinado na sua agressividade na defesa.

 

#23 Thunder: Darius Bazley

Posição: Ala-pivô / ala

N/A PTS | N/A REB | N/A AST
(Estava comprometido com a Universidade de Syracuse, mas desistiu e passou a temporada treinando para o draft. Jogou a G-League essa temporada!)

Universidade: Syracause
Peso: 104 kg
Altura: 2,06 m
Envergadura: 2,13 m

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Lamar Odom e Al-Farouq Aminu.

Pontos fortes: Possui controle de bola consideravelmente avançado para um atleta de sua idade e posição. Bazley é um dos jogadores mais jovens do draft, com impressionante condição físico e atlética, e experiência atuando entre os melhores prospectos de sua idade.

Pontos fracos: Contudo é difícil analisar sua real condição técnica depois de ficar um ano sem jogar basquete competitivamente: após “desistir” de Syracuse para atuar na G-League, mas ele passou a temporada treinando em uma academia especializada.

#24 Suns: Ty Jerome

Posição: Armador / ala-armador

13.6 PTS (43.5% FG) | 4.2 REB | 5.5 AST

Universidade: Virginia
Peso: 88 kg
Altura: 1,97 m
Envergadura: 2,00 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Matthew Dellavedova e Malcom Brogdon.

Pontos fortes: muito útil sem a bola nas mãos, se movimenta bem, tem um trabalho de pés muito bom, funciona bem como handler primário ou secundário. sólido defensor; agressivo na marcação um contra um, tem boa leitura do ataque adversário, ótimo na antecipação das linhas de passe, não se perde nas trocas de marcação, utiliza bem o tamanho e o corpo para dificultar a vida de armadores mais baixos

Pontos fracos: Todavia devido à falta de ferramentas físico e atléticas adequadas, deverá ter dificuldades em criar distância para seus marcadores e pontuar após o drible na NBA.

#25 Blazers: Nassir Little

Posição: Ala

9.8 PTS (48.0% FG) | 4.6 REB | 0.7 AST

Universidade: North Carolina
Peso: 100 kg
Altura: 1,98 m
Envergadura: 2,17 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Gerald Wallace e Rondae Hollis-Jefferson.

Pontos fortes: Excelente reboteiro, dos dois lados da quadra, principalmente lado ofensivo. Consegue proteger o garrafão e os redores dele. Telegrafa decisões muito bem, tanto quanto de passe e de finalizações, produzindo assim roubos de bola e tocos.

Pontos fracos: Contudo foi reserva na sua única temporada na NCAA. Muito pouco sólido, tem diversos problemas de regularidade. Estilo de jogo muito fora do padrão atual da NBA, será um problema dar fit para ele e seus companheiros.

#26 Cavaliers: Dylan Windler

Posição: Ala

21.3 PTS (54.0% FG) | 10.8 REB | 2.5 AST

Universidade: North Carolina
Peso: 91 kg
Altura: 2,02 m
Envergadura: 2,08 m
Impulsão: N/A

Projeção na NBA: Titular / sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: Mike Dunleavy e Doug McDermott.

Pontos fortes: Entretanto foi avaliado como um dos melhores chutadores do College, mecânica de arremesso bem constante, cria muitos espaços para chutar, capaz de criar para si e para os companheiros, utiliza muito bem os bloqueios feitos pelos companheiros para arremessar.

Pontos fracos: Contudo a falta de agilidade lateral e de força física são de e longe o pior aspecto de Dylan. Deixa a desejar quando tem que defender o adversário no off-ball.

#27 Lakers: Mfioundu Kabengele

Posição: Pivô

13.2 PTS (50.9% FG) | 5.9 REB | 0.3 AST

Universidade: Florida State
Peso: 113 kg
Altura: 2,09 m
Envergadura: 2,22 m
Impulsão: N/A

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Serge Ibaka.

Pontos fortes: Ótima impulsão,certamente tem um físico impressionante pra um jovem da idade dele, rápido, fluirá bem nos Lakers, bastante encaixável no fit do time de roxo e amarelo.

Pontos fracos: Entretanto desperdiça a bola demais, controle de bola apenas mediano, visão de jogo preocupante, dificilmente tem destreza pra procurar um companheiro bem melhor posicionado.

#28 Warriors: Jordan Poole

Posição: Ala-armador

12.8 PTS (43.6% FG) | 3.0 REB | 2.2 AST

Universidade: Michigan
Peso: 88 kg
Altura: 1,97 m
Envergadura: 2,01 m
Impulsão: N/A

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Terry Rozier e Evan Fournier.

#29 Spurs: Keldon Johnson

Posição: Ala / ala-armador

13.5 PTS (43.6% FG) | 5.9 REB | 1.6 AST

Universidade: Kentucky
Peso: 96 kg
Altura: 1,98 m
Envergadura: 2,06 m

Projeção na NBA: Reserva

Jogadores similares a ele na NBA: Stanley Johnson e Kentavious Caldwell-Pope.

Pontos fortes: Portador de um físico muito bom, trabalha muito bem quando está perto da cesta, todavia gosta de atuar em contra-ataques, espaça muito bem a quadra nessas situações, criando opções para o condutor da bola.

Pontos fracos: Entretanto não é excelente em nada, é um jogador mediano de potencial questionável, chega agregando muito pouco ao Spurs. Contudo seu controle de bola também não parece ser de um jogador que está prestes a se tornar profissional.

#30 Cavaliers: Kevin Porter Jr.

Posição: Ala-armador

9.5 PTS (47.1% FG) | 4.0 REB | 1.4 AST

Universidade: USC
Peso: 98 kg
Altura: 1,97 m
Envergadura: 2,06 m

Projeção na NBA: Sexto-homem

Jogadores similares a ele na NBA: J.R Smith e Nick Young.

Pontos fortes: Porter possui um porte físico assustador para um jogador da idade dele, forte, ágil, rápido, alto, ótima envergadura, ombros largos. Ótimo controle de bola, combinandos com sua agilidade, é quase improvável numa situação de contra-ataque.

Pontos fracos: Teve uma lesão no quadril na sua temporada na NCAA e ainda não se recuperou dela. Noção de jogo muito ruim, péssimas escolhas de chute, desatento na defesa e aproveitamento de lances-livres abaixo da média. Porter também apresentou problemas disciplinares na faculdade e diversos problemas com seu treinador.

Ao todo, é isso, essa foi minha análise sobre o NBA Draft 2019, no geral gostei bastante das escolhas dos times, pegaram o que precisavam, teve muitas “steals”no final do primeiro round, e caíram em bons times, curioso para ver como eles vão se sair no decorrer da temporada. Tivemos também o brasileiro ‘Didi’ que foi selecionando na segunda rodada pelo brilhante young core do New Orleans Pelicans, vai jogar ao lado de Zion Williamson e companhia. Esse foi só o começo da offseason, pegou fogo ontem o Draft, e pode ter certeza que vai continuar on fire essa pós temporada e estarei aqui para cobrir e analisar tudinho com vocês. No geral é isso, esse foi meu primeiro post de muitos aqui no PlayMaker Brasil, muito feliz pela oportunidade que estou tendo, de resto, é isto.

Confira também o versátil Taysom Hill.
Confira a icônica voz de Martin Tyler.

Confira nossa parceria com Payton Mahomes!
Confira nossa parceria com Calcio Brasil!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PlayMaker Noticias Sports